Educação e esportes para crianças que vivem em situação de vulnerabilidade social

Metodologia de trabalho

education
Educação
Cinco professoras, alguns estagiários e voluntários ensinam mais de 100 crianças de 4 a 14 anos, tudo o que deveriam aprender em suas escolas, mas, como é do conhecimento de todos os Brasileiros, a educação pública está caótica, por diversos fatores. Nós oferecemos aulas de matemática, português, geografia, história, biologia, inglês, espanhol e música. Ás quintas-feiras temos uma turma que precisamavançar para se nivelarem ás outras crianças da mesma faixa etária. Dois dias por semana preparamos uma turma para o ensino médio.
Esporte
O nosso treinador de futebol, Vinícius, graduado em educação física e criado na Mangueira, dá treinamento de futebol para as crianças duas vezes por semana. Além de questões técnicas e táticas de futebol, ele também promove rodas de conversas com todos os inscritos. Os temas sugeridos nas conversas são diversos, como disciplina, regras, espírito esportivo, respeito, valores éticos, etc. O campo reformado, (patrocinado pela Van Oord), está localizado em frente ao Instituto. Aqui, tem futebol, tênis, tênis de praia e vôlei da praia.
Conhecimentos necessários para a vida
Os professores também ensinam habilidades sociais e conhecimentos gerais, como higiene, saúde e sexualidade. Isso é necessário pois muitas crianças não recebem essas informações em casa. Alguns são completamente deixados sozinhos por seus pais, por necessidade. Uma família de baixa renda não tem condições de pagar alguém para cuidar dos filhos. O filho maior cuida dos menores e os vizinhos ajudam como podem.
Nutrição
Ao meio-dia, a nossa cozinheira Sônia, moradora da Mangueira, serve um almoço saudável para todas as crianças do projeto. Todos precisam comer tudo que é oferecido. A regra é não desperdiçar praticamente nada. É oferecida a mesma refeição para as crianças e professores. Para algumas crianças essa é a unica refeição saudável do dia. Elas já não chegam mais na ONG comendo biscoitos ou salgadinhos, porque preferem experimentar um legume ou uma verdura diferente. Assim elas aprendem a comer coisas novas e nutritivas
Meninas
O foco maior é para o desenvolvimento das meninas, pois as meninas - futuras mães e muitas vezes chefes da casa - podem trazer mudanças substanciais na sociedade machista brasileira. Todos os meses fazemos o 'clube de meninas', no qual as professoras discutem vários temas com as meninas. Temas como amor e sexualidade até o papel das mulheres na sociedade, afinal, as mulheres são a maioria nas comunidades. Infelizmente, muitas famílias já não contam com a figura masculina na casa. Muitas avós moram com a filha e netos.
Cultura
Além das aulas de música, as crianças também fazem passeios culturais para museus, cinemas e exposições. Elas também participaram de um projeto musical em que compuseram a música cinematográfica em colaboração com a Fundação Watch that Sound, de Roterdã, e todo final de ano há um passeio para um parque aquático com todas as crianças. Passeio patrocinado por um casal de padrinhos do Estrela da Favela. Temos uma parceria com o teatro da UERJ onde todos os espectáculos culturais infanto-juvenis são apresentados.